Parnaíba-PI
(86) 99428-2303 / (86) 3322-6926
faculdadedexter@gmail.com

Pós-Graduação

A Resolução No 1, de 6 de abril de 2018 do MEC/CNE, Estabelece diretrizes e normas para a oferta dos cursos de pós-graduação lato sensu denominados cursos de especialização, conforme prevê o Art. 39, § 3o, da Lei no 9.394/1996.

Art 1o. Cursos de pós-graduação lato sensu denominados cursos de especialização são programas de nível superior, de educação continuada, com os objetivos de complementar a formação acadêmica, atualizar, incorporar competências técnicas e desenvolver novos perfis profissionais, com vistas ao aprimoramento da atuação no mundo do trabalho e ao atendimento de demandas por profissionais tecnicamente mais qualificados para o setor público, as empresas e as organizações do terceiro setor, tendo em vista o desenvolvimento do país.

As atividades dos Cursos de Graduação e Pós-Graduação da FACULDADE DEXTER buscam a indissociabilidade entre o Ensino, Pesquisa e Extensão. Assim sendo, os Projetos Político Pedagógicos dos Cursos – PPPC explicitam como se dá no desenvolvimento de suas atividades para fortalecer, dentro e fora do ambiente acadêmico, articulação da teoria com a prática, valorizando a pesquisa individual e coletiva, assim como as diversas formas de práticas profissionais e a participação em atividades de Extensão, as quais permitirão ao futuro profissional, possibilidades de superar os desafios de renovadas condições do exercício profissional e de produção do conhecimento.

Com essa compreensão, a FACULDADE DEXTER adotará esses princípios pedagógicos, amplamente contemplados na LDB (Lei nº 9.394/96) e nas legislações específicas, a partir de uma visão dinâmica e inovadora, aberta às mudanças e às transformações do mundo contemporâneo.

Estas transformações de acordo com o Plano de Desenvolvimento Institucional – PDI acontecerão da seguinte forma:         

  1. Através de práticas pedagógicas inovadoras e emancipatórias, estimulando o estudante a pensar, assim como estabelecendo relações entre o fazer e o pensar.
  2. Proporcionando uma formação integral ao educando sendo necessário conceber uma estrutura curricular fundamentada em uma Proposta Pedagógica que articule Ensino, Pesquisa e Extensão, através de uma integralização curricular que não comprometa, com pré-requisitos, a progressão do estudante.
  3. A avaliação, entendida como um processo contínuo deve ser uma prática constante. Tanto o corpo docente quanto o discente deve participar deste processo, de forma a somar e otimizar o Projeto Pedagógico do Curso.
  4. Do ponto de vista pedagógico, aponta para uma  ressignificação das práticas tradicionais de ensinar e aprender (currículos estruturados sob a lógica teoria-prática), dando lugar privilegiado à prática do estudante onde o estímulo, curiosidade, busca de solução de problemas, despertar de interesses, criatividade na solução de problemas, deverão ser preconizados.

Conforme Resolução No 1, de 6 de abril de 2018 do MEC/CNE

§ 1o Os cursos de especialização são abertos a candidatos diplomados em cursos de graduação, que atendam às exigências das instituições ofertantes.

§ 2o Os cursos de especialização poderão ser oferecidos presencialmente ou a distância, observadas a legislação, as normas e as demais condições aplicáveis à oferta, à avaliação e à regulação de cada modalidade, bem como o Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI).

§ 3o Poderão ser incluídos na categoria de curso de pós-graduação lato sensu aqueles cuja oferta se ajuste aos termos desta Resolução, mediante declaração de equivalência pela Câmara de Educação Superior do Conselho Nacional de Educação.

Art. 2o Os cursos de especialização poderão ser oferecidos por:

I – Instituições de Educação Superior (IES) devidamente credenciadas para a oferta de curso(s) de graduação nas modalidades presencial ou a distância reconhecido(s);

II – Instituição de qualquer natureza que ofereça curso de pós-graduação stricto sensu, avaliado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

A FACULDADE DEXTER, constitui uma Instituição de Ensino Supeior denominada IES, credenciada pela portaria No. 1.265 de 4 de julho de 2019, publicado no Diário Oficial da União – DOU, seção 1, de 05 de julho de 2019